A-NORMA-IS

Perdem-se gestos, cartas de amor, malas, parentes
Perdem-se vozes, cidades, países, amigos
Romances perdidos, objetos perdidos, histórias perdidas.
Perde-se o que fomos e o que queríamos ser.
 Perde-se o momento, mas não existe perda, existe movimento.

Criação e Direção_ Rui Pires
Cocriação e Interpretação_ ABC Wachilala_ Ageu Serrote_ Daniela Matos_ Edmilson Gomes_ Helena Ribeiro_ Nina Schneider_ Sara Cruz
Texto_ B. L.
Desenho de Luz_ Pedro Fonseca/colectivo, ac
Cartaz_ Marisa Inglês
Guarda-Roupa_ TeatrUBI
Agradecimentos_ Murilo Soares_ Renan Vianna
Género_ Cruzamentos Artísticos
Classificação_ M/12
Duração_ 50 m