Alice

Alice é uma pessoa pequena que observa com os olhos gigantescos da infância as pessoas grandes que a rodeiam. Não compreende que a mesa tenha pernas, ou que os adultos chamem “dona” a pessoas que podem não ser donas de nada. Está a começar a entrar num longo túnel que é o da apropriação da linguagem e, pelo caminho, depara-se com perplexidades que os adultos nem reparam, distraídos como estão com “coisas sérias”. Repleto de referências e ecos da história original de Lewis Carroll e do Principezinho, de Saint-Exupéry. Alice acaba por descobrir no espelho de sua casa um portal para um mundo no qual o avesso é o certo.
A obra “A Verdadeira História da Alice” venceu em 2003 o prémio Branquinho da Fonseca – Expresso/Gulbenkian, e foi selecionado para o plano de leitura do 4º ano do 1º ciclo.

produção_ ASTA
adaptação e encenação_ António Abernú, a partir de “A Verdadeira História da Alice”
texto_ Rita Taborda Duarte
interpretação_ Graça Faustino e José Meira
atores do vídeo_ Carmo Teixeira, Gonçalo de Morais, Inês Santos e Rui Pires
dispositivo cénico_ António Abernú, João Cantador e Sérgio Novo
figurinos e imagem_ Sérgio Novo
desenho de luz e operação técnica_ João Cantador
sonoplastia_ António Abernú e Rúben Samuel Páscoa
vídeo_ António Abernú
comunicação_ Gonçalo de Morais e Rui Pires
produção executiva_ Carmo Teixeira e Paulo Espinho