LUX ET UMBRA, CREANDO

LUX ET UMBRA, CREANDO (part I)

Corpos que se assumem, que se transformam em formas, silhuetas, que deambulam pelo espaço envolvente, convertendo-se em pequenas partículas de luz.

É na sua presença ou ausência que o Homem cria.

LUZ, SOMBRA parcelas da sua existência, da sua visão sobre o todo.

 

LUX ET UMBRA, CREANDO (part II)

O que antes era formal e corrompido agora passa a ser natural e selvagem. Através da LUZ ou da presença de SOMBRA, cada elemento na sua singularidade encontra harmonia e liberdade que o transpõe para algo mais que PRETO e BRANCO numa (re)CRIAÇÃO lúdica furtaCORes da (in)consciência social e colectiva.

BRANCO, PRETO, é nesta fronteira que surge a COR, que nos trespassa e nos preenche, como ondas do mar, dando asas à expressão e à criatividade, promovendo a CRIAÇÃO.

GéneroPerformance

Criação: Sérgio Novo e Andrea Monteiro

Direção Artística e Pedagógica  | Andrea Vicente_ José Manuel Pereira_ Sérgio Novo;
Supervisão Pedagógica |  Fátima Caiado;
Desenho de Luz | Andrea Vicente_ João Cantador_ Sérgio Novo

Cocriação e Interpretação | Adriana Felizardo_ Ana Duarte_ Ana Rita Silva_ Ana Rute Malato_ António Antunes_ Cláudia Farias_ Cláudia Gonçalves_ Cléa Martins_ Carolina Fonseca_ Catarina Pinto_ Daniela Proença_ Eduardo Soares_ Estrela Nunes_ Inês Massano_ Irina Dias_ Joana Oliveira_ João Pacheco_ Júlio Droguetti_ Maria Bernardo_ Mariana Mugeiro_ Mariana Ribeiro_ Martina Barroso_ Miguel Rato_ Renata Alves_ Tânia Pereira

Agradecimentos | D. Cristina_ E.S.C.M._ Miguel de Almeida Ferreira

Apoios | ASTA – Associação de Teatro e Outras Artes

Turma d’artes 12.º D_ Escola Secundária Campos Melo_ Covilhã